Sobre acessibilidade

Serviços

15/09/2017 - 16:30

A Cohab está participando das comemorações pelos 26 anos do Conjunto PAAR, em Ananindeua, que transcorrem durante todo o mês de setembro, disponibilizando um atendimento exclusivo para os moradores daquela comunidade, durante duas semanas.

Esta semana a equipe de técnicos da Cohab esteve na Escola Regina Coelli Souza e Silva, para realizar renegociações de contratos de moradores inadimplentes com a Companhia de Habitação, além de possibilitar que moradores se habilitem a contratação dos lotes, regularizando sua situação. Eles receberam ainda orientações para a Regularização Fundiária de Interesse Social.

Segundo a Diretora de Política Habitacional da Cohab, Rosana Fernandes, por ser uma área muito extensa e com um número grande de moradores, "o trabalho da Cohab vai se dar em curto, médio e longo prazo". A diretora da companhia revela que o Paar é considerada a área de ocupação informal mais populosa do Brasil, uma propriedade que pertence à Cohab. "Nossa ação no Paar é emblemática, não só pela sua extensão mas também pela quantidade de  famílias que lá residem . Duas equipes estão atuando na comercialização dos lotes e na renegociação de contratos que estão inadimplentes. Também vamos trabalhar com o Projeto de Regularização Fundiária, que levará em conta a condição sócio econômica de cada morador. Vamos dar condições para que novos contratos sejam firmados ao moradores que possuem renda e condição de pagar. Os demais poderão se habilitar à regularização não honerosa, ou seja vai se dar de forma gratuita, o que passará por avaliação da Cohab", explicou.

Originalmente o conjunto do Paar possuia cerca de  quatro mil lotes, mas hoje são mais de sete mil . Rosivaldo Martins Franco, que é membro do Conselho Comunitário do Conjunto Paar,relata que os lotes chegaram a esse quantitativo por conta da subdivisão. "Temos hoje 7.127 residências porque os quase quatro mil lotes originais foram subdivididos. Até os equipamentos comunitários do conjunto foram transformados em residências", informou a liderança. 

Segundo ele, as comemorações de aniversário do conjunto habitacional ocupado vão durar o mês todo e terão a participação de outros órgãos do governo estadual como Hemopa, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Seduc, e Cosanpa entre outras instituições como a Ufpa, Unama, Prefeitura Municipal de Ananindeua, Celpa,  e Assembléia Legislativa do Estado. 

"Procuramos a Cohab porque esses lotes pertencem à companhia e é necessário regularizar a situação desses moradores. Disponibilizamos as duas maiores escolas do conjunto para esse atendimento, e foi um sucesso. Só na primeira reunião de mobilização, o comparecimento foi de 90% das pessoas convocadas", avaliou o líder comunitário.

Nos dois dias de atendimento,13 e 14 de setembro, foram feitas 142 renegociações de contratos inadimplentes e 96 processos foram gerados para comercialização de lotes.

Na próxima semana, nos dias 19, 20 e 21, o atendimento dos moradores do PAAR será feito pela equipe da Cohab na Escola Galdêncio Ramos, localizada na Avenida Rio Amazonas esquina da Travessa Manacapurú. Confira abaixo a programação completa:
Dia 19 de Setembro:
19 hs - 2a Reunião de Sensibilização e orientação.
Dia 20 e 21 de Setembro:
15 às 19 hs - Atendimento de Regularização de Contratos Imobiliários
LOCAL: Escola Galdêncio Ramos - Avenida Rio Amazonas esquina da Travessa Manacapurú.

Texto: Rosa Borges

Fotos: Arquivo COHAB